O Brasil tem solução?


A pergunta que todos os brasileiros fazem mas prendem na garganta, com angústia – e que fora do Brasil todos fazem, mas abertamente – , depois de ver arder o Museu Nacional, é “O Brasil tem solução?”. A pergunta que a Globo faz é “podemos cortar mais verbas para a ciência?”. Sim, a Globo, a que assisti no Rio de Janeiro, defende, depois da perda do Museu que “devemos fazer a reforma da previdência, cortando o salário dos funcionários públicos, cujo valor é responsável por não terem sido feitas obras no Museu”. A preocupação da direcção mediática e política do país, não é o Museu, irreparável, onde aliás a elite brasileira nunca foi tinha ido e uma parte só soube da existência quando estava em cinzas. A Pergunta da Globo hoje é “como usar o Museu para arrasar com o que resta de direitos públicos e cultura no país”. Neste Brasil onde não se pode sequer falar na existência de um Estado Social, como na Europa. Para tal fizeram uma pirueta estatística, e hoje o jornal Globo anuncia na capa que mais “de 87% do Orçamento da UFRJ é para pagar funcionários”. Ora a UFRJ já publicou o seu orçamento explicando o óbvio, os funcionários são pagos pelo orçamento nacional (Tesouro Nacional), não pode esse valor ser incluído no orçamento da URFJ porque não está nem nunca esteve na Universidade. O orçamento da Universidade esse caiu de 434 milhões em 2014 para 388 milhões hoje, em 2018, e foram feitos por parte da reitoria sucessivos avisos do perigo que corriam e correm as instalações. Resta-me dizer que no Brasil não há televisão pública. Em Portugal, com todas as criticas que se possam fazer, ela é de excelente qualidade e essa qualidade não é só da RTP mas serve de bitola, na forma e no conteúdo, aos desvarios do sector privado. Assistir à Globo é como assistir na Europa ao período televisivo de venda de colchões para aposentados às 4 da manhã, coisa que me acontece quando o meu amor está longe e eu acordo no sofá, pensando que o mundo está a acabar, pois vende-se uma máquina de abdominais eléctrica em que o corpo não se mexe. A diferença é que no Brasil é às 8 da noite e chama-se Jornal Nacional. É de tal forma que os jornalistas dão as notícias, explicam-nas, opinam sobre elas e só então passam à reportagem. Tudo isto num estilo infantilizado, que inclui um invariável “Você sabia?”.

Advertisement

4 thoughts on “O Brasil tem solução?

  1. Dr.ª Varela,

    (Sendo você a pessoa de mentalidade progressista que eu penso que é, também uma Professora universitária, alguém que é filha de cientistas – e tendo já você aqui derrubado alguns dos mitos sobre esta questão…)

    Estou curioso por saber o que tem você a dizer sobre a grande polémica que estalou, em Portugal, relativa aos (repetidos) apelos à proibição de conferências em universidades em que os seus participantes neguem o dito “aquecimento global antropogénico”.

    h*tp://rr.sapo.pt/noticia/123652/quercus-defende-cancelamento-de-conferencia-de-negacionistas-das-alteracoes-climaticas-na-up
    h*tps://www.dn.pt/vida-e-futuro/interior/-carta-aberta-de-cientistas-universidade-do-porto-nao-deve-dar-credibilidade-a-negacao-da-ciencia-9808456.html

  2. A Raquel vai-me perdoar mas vou pôr este fabuloso texto no meu mural. Processe-me, só para estar consigo, poder cumprimentá-la, não me importo de ir a tribunal e ser depenado. Obrigado por dizer aquilo que eu quero pensar e nem sempre consigo (porque pensar é uma arte e eu não sou tão bom nisso quanto gostaria).

  3. Iniciei o LER AGORA como um projeto para a faculdade, sem muitas pretensões ou sem saber por onde ir, chegamos a ter 5 milhões de views por semana, mas não era rentável e consumia muito tempo, precisei abandonar e focar nos estudos, hoje formado em jornalismo digo que valeu a pena, apesar de não ser mais o dono da pág principal, inciei um novo projeto, cujo objetivo é trazer notícias diferentes, fazer jornalismo INDEPENDENTE, livre da manipulação da grande mídia, sei que é uma missão quase impossível, mas conto com a ajuda de todos vocês!

    http://leragora.net
    No site há opções para se inscrever e receber avisos de novas notícias

    O link para o site se encontra no perfil da página.

    https://www.facebook.com/leragora1/

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s