Políticas nacionalistas

Há diferenças de fundo entre as políticas liberais e proteccionistas mas ambas são políticas nacionalistas. Há um erro científico em associar o liberalismo a internacionalismo, a política liberal de Merkel – expansão de exportações de capitais e máquinas para a periferia e acumulação de superavits – é tão nacionalista como a política de Trump, são políticas distintas a muitos níveis no quadro da economia, e com impactos profundos na política mas ambas são formas de nacionalismo. Na verdade a Alemanha acumulou com esta política de empréstimos um excedente que vai utilizar na próxima crise, quando todas as nações à sua volta entrarão em recessão profunda, com mais ou menos intensidade. Portugal vive a ilusão de anos bons porque há um ciclo expansivo mundial e os cortes reduziram-se (não devolveram, reduziram a intensidade da austeridade) mas isso está ancorado na fase de expansão do ciclo, quando vier a fase de depressão Portugal não vai ter investimento nem controlo sobre empresas essenciais porque esteve estes anos a esvair-se a pagar a política de exportação de capitais alemã (vulgo dívida pública). Quem acha que hoje estamos melhor do que há 5 anos, quando não revertemos o controlo sobre bancos, logo investimentos e formação da força de trabalho, esquece que quem come açúcar hoje fica feliz, até o motor do corpo gripar, e deixar de controlar os níveis de açúcar. A economia é política concentrada e o que fazemos hoje não se mede pelo PIB de hoje mas pela riqueza e meios efectivamente produzidos a médio e longo prazo.

Advertisements

3 thoughts on “Políticas nacionalistas

  1. Estamos numa altura em que parece que quaisquer que sejam as politicas económicas ganham sempre os mesmos e perdem sempre os mesmos, o tal jogo viciado tão do agrado dos que têm interesse em manter este estado de coisas. As narrativas da actualidade já não contemplam a possibilidade de ascensão dos desapoderados, este “pormenor” é a evidência do momento não democrático que vivemos.

    Não existe estabilidade sem partilha de poder nem autodeterminação sem independência.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s