História do Povo na Europa

Foi publicado em Portugal uma das melhores histórias da Europa, do meu colega, amigo, o historiador norte-americano marxista Willliam Pelz, director do Institute for Working Class History dos EUA. Escrevi estas curtas linhas na orelha do livro agora publicado: «Esta é uma história da Europa que não retira os europeus da equação. Aqui não encontramos apenas reis, presidentes e instituições mas também o pulso do povo e das organizações sociais que construíram a Europa. Uma leitura imprescindível». Faz parte da bibliografia dos cursos que dou. É além do conteúdo, escrito de uma forma escorreita, ritmada, apetecer ler. Fica o desafio aos editores: para quando a tradução da história do povo nos EUA dos Howard Zinn?

image

 

Advertisements

2 thoughts on “História do Povo na Europa

  1. Pelo que eu vejo do que está escrito na página na Wikipedia do mencionado livro de Howard Zinn, não se perde nada…

    “Zinn argues that the Founding Fathers agitated for war to distract the people from their own economic problems and stop popular movements”.

    E, assim se descreve a Revolução Americana, surgida de uma revolta contra a tirania do Império Britânico – e graças à qual temos hoje Democracias/Repúblicas em todo o mundo…

    Pois, e foi para controlar o povo é que esses mesmos Pais Fundadores instituíram coisas como a 1ª e a 2ª Emendas à Constituição, que garantem e Liberdade de Expressão e o exercício do Direito à Autodefesa (incluindo contra governos que se tornem tirânicos), certo?

    Coisas que os marxistas, muito convenientemente, nunca se preocuparam em fazer.

    E, isto tudo, porque todos os governos estadunidenses foram sempre algo de mau. E, não fosse a existência de líderes políticos, o “zé povinho” conseguiria sempre fazer muito melhor, certo?

    Já parece o Noam Chomsky – outro intelectual agitador das massas acéfalas, que é também promovido pela imprensa controlada e falsa imprensa alternativa.

    Vejo que o Howard Zinn fala, por exemplo, do grupo racista e pró-violência “Panteras Negras” (suponho que, como algo de positivo)… Omite ele também o facto de que este grupo foi armado pelo próprio FBI? (h*tp://www.huffingtonpost.com/2012/08/20/richard-aoki_n_1812167.html) E, que a promoção da violência e paranóia racista servem propósitos não atingidos pelas massas acéfalas que aderem a este tipo de lutas?

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s