Morrer de emoção

Andamos, eu e a socióloga Luisa Barbosa, grande amiga e investigadora notável, a escrever a história da revolução dos cravos em vários municípios do país, mostrando que o 25 de Abril (e os 19 meses que se seguiram) foi muito também fora de Lisboa e Porto. Nos arquivos as pérolas são muitas. Esta está no baú de hoje. Na revolução ainda se morria de emoção.

2016-08-19-PHOTO-00000036

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s