Jornalismo em debate

«A baixa qualidade dos jornais em Portugal não é só um problema de custos. É ideológico porque a maioria são sustentados por empresas, é a dependência da publicidade privada, é a falta de formação dos jovens jornalistas, sem referências de trabalho e deontológicos nos mestres, que foram afastados nas recisões voluntárias – à força -, também é a ausência de contrapoder informativo – nem os partidos de esquerda, associações, sindicatos, universidades, que podiam financiar jornais de qualidade, o fazem. Quando o fazem são veículos ideológicos, quase sem reportagem, sem contraditório, sem qualidade e profundidade de análise. É uma pena porque o direito democrático a uma informação de qualidade é um direito fundamental».

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s