O fim do “pacto social” no Brasil.

O fim do “pacto social” no Brasil. Um dos males das estruturas sindicais é tornarem-se parte do Estado, directa ou indirectamente – foi isso que fez a CUT estes anos. A factura de apoiar um Governo que aprova uma série de medidas contra os trabalhadores – laborais, na reforma da previdência e na própria gestão dos movimentos sociais como o «acto patriótico» recente – chegou agora. A lição para Portugal, e outros países, das tensões que agora se vivem no Brasil é, entre outras, esta: «qual é o preço social de ter um governo dos trabalhadores que não governa para os trabalhadores», mas assente no massivo assistencialismo? Conflitos que não se resolvem agigantam-se.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s