Trabalho, Educação e Conflitos Sociais: diálogos Brasil e Portugal

Resultado do pós-doutoramento de Fabianne Previtalli e do doutoramento sandwish de Cilson Fagiane, que realizaram comigo no Instituto de História Contemporânea, este livro reúne uma série de reflexões de vários autores portuguesese brasileiros sobre trabalho e educação, dos dois lados do atlântico.

O livro “Trabalho, Educação e Conflitos Sociais: diálogos Brasil e Portugal” é uma iniciativa do Grupo de Pesquisa Trabalho, Educação e Sociedade (GPTES), vinculado ao Instituto de Ciências Sociais (INCIS) da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), Brasil e do Grupo de Pesquisa História Global do Trabalho e dos Conflitos Sociais, do Instituto de História Contemporânea (IHC) da Universidade Nova de Lisboa (UNL), Portugal. A obra reúne textos resultantes de projetos de pesquisas, trabalhos e discussões entre os especialistas envolvidos sobre as inter-relações entre trabalho, educação e conflitos sociais no âmbito das intensas transformações histórico-sociais do capitalismo contemporâneo no Brasil e em Portugal. Estruturado a partir do Seminário Trabalho, Educação e Conflitos Sociais, realizado em 2014 no IHC/UNL e no âmbito do Acordo de Cooperação Científica entre a UNL/IHC e o INCIS/PPGED/UFU.

Organizada em três partes, a obra analisa inicialmente um panorama das transformações do Capitalismo e do Estado numa perspectiva histórica no Brasil e em Portugal. Em seguida são abordadas as transformações nas relações entre Trabalho e Educação em estudos setoriais, buscando-se caracterizar seus contornos particulares no sentido de melhor compreender o amplo processo de precarização e adoecimento a que está sendo submetida a classe trabalhadora no Brasil e em Portugal. Por último, são problematizados os conflitos sociais e a construção de resistências advindos da relação histórica e contraditória entre trabalho e capital, cingida por sua vez, pelas relações de gênero e raça.
O conjunto de reflexões presentes no livro é de interesse para pesquisadores, estudantes acadêmicos e todos aqueles interessados no aprofundamento do debate crítico acerca das relações históricas entre trabalho e educação no contexto da reestruturação produtiva do capital.

trabalho

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s