O Papagaio da República das Bananas

Há várias formas de dar cabo de um país e todas requerem alguma imaginação. Chego eu ali à Adega dos Lagartos, que é a melhor tasca de peixe fresco de Lisboa e vejam que descubro eu, entre escárnios e indignação dos clientes. Há 30 anos que os donos, trabalhadores de sol a sol, possuem um papagaio, que acabou de ser alvo de uma denúncia da protecção da natureza justificando uma multa de…estão sentados? 20 mil euros. Não é imprensa falsa ou discurso de Cavaco Silva, é assim e está nos autos, que em baixo fotografo. 20 mil é o mínimo porque é para «negligência», ou seja, ter um «papagaio cinzento» que não possui, entre outras coisas, cito, «documento». Se fosse com dolo a multa subiria para 37 mil euros. Vejam que país: para proteger o papagaio, que há 30 anos assobia aos traseuntes e é alimentado a croquetes e presunto, arrasa-se com um negócio familiar de gentes decentes e sérias que servem com sorrisos um peixe delicioso. Não percam a leitura em anexo dos «factos verificados» em pleno ano de 2015 em Lisboa. Não há conta, nos autos, o que me surpreendeu, de o papagaio ter reagido ao autuante usando de palavras alvitantes para com este ou suas famílias, recorrendo para o efeito dos inúmeros palavrões que os portugueses em séculos de esforço inventaram. O papagaio foi altivo e educado, ainda hoje lá estive, assobiou, riu, conversou, mesmo sem saber o pobrezito que agora o dono é mero «fiel depositário» do bicho até pagar os 20 mil euros. Ou até que um juiz ponha fim a esta palhaçada.

Quero agora com a seriedade possível dizer isto. ISTO não é a República das Bananas, é o NOSSO país. Isto não é a República das Bananas que acha que alguém pode viver com 432 euros por mês ou salários em atraso mas que protege os papagaios com multas aos donos trabalhadores de 20 mil. Este país que arrasa com pequenas empresas com impostos e multas e fiscalizações e leis cuidadosamente feitas para destruir negócios familiares – crimes que nunca foram punidos nem seus autos feitos com esmero. Estas coisas têm que ter consequências, não pode ser mera indignação, quem denunciou, quem gastou o dinheiro dos nossos impostos nesta perseguição absurda, quem é responsável por esta choldra tem que ser fortemente punido e garantir que ao dono chega uma carta de desculpas sinceras, extensíveis por favor a nós, cidadãos desta República, que é nossa.

IMG_0708 (1)

IMG_0709

Advertisements

7 thoughts on “O Papagaio da República das Bananas

  1. As polícias não recebem comissões pelas autuações que fizerem? Será isso que explica esta palhaçada, este autêntico caso de … polícia? O assalto ao cidadão faz-se de todas as maneiras e feitios: pela EDP, pelas Águas, pelos telefones, pelos impostos, pelas multas, pela Segurança Social, pela Autoridade Tributária, inventam-se dívidas a torto e a direito e, no caso da AT e da SS, que trabalhão dá reclamar, é o mesmo que falar com uma parede, não sabem de nada, não resolvem nada, não devolvem um cêntimo dos muitos, dos muitíssimos sacados. Quando é que este governo sai de cena e, como ele, toda a pouca-vergonha, avidez, desonestidade que o tem acompanhado?

  2. O Decreto-Lei n.º 211/2009, ao abrigo do qual seria/será aplicavel a coima, é a transcrição para a Lei portuguesa de uma directiva europeia relativa à protecção dos animais.

    Este Decreto Lei foi aprovado com os votos favoráveis do BE, PCP e PS, e foi publicado por um governo PS.

    Estou certo que a Sra Raquel Varela poderá envidar os melhores esforços no sentido de os responsaveis por esta choldra elaborarem uma carta de desculpas. A deputada Isabel Moreira poderá ser preciosa ajuda.

  3. Qual o valor da multa para quem nos “alivia ” do nosso esforço para sobrevivermos neste Pais que de nosso não tem nada nem o chão que pisamos e que faz leis para proteger animais e esquece aqueles que deram muito do seu suor , lagrimas e que sacrificaram praticamente tudo para que esses ” aliviadores ” possam agora ter o que sacar , vender , reabrir embaixadas , mas que esquecem tudo o resto . De quanto é a multa para aqueles que se esquecem dos pais nos lares , hospitais , na rua , que os deixam perder a dignidade de viverem ( ou sobreviverem) . O legislador esqueceu desses “animais” chamados seres humanos . Quanto é a multa para quem nos mente todos os dias , para quem diz que hoje é verde e amanha ( depois de ser eleito) definitivamente é azul , e nem se lembra ( apesar de estar gravado) que disse que era verde .
    Triste exemplo , como muitos outros , que nem vale a pena mencionar pois , eles pensam que somos todos burros . Deixamos-nos levar , isso sem duvida nenhuma , e como diz o ditado ,quem parte e reparte e não fica com a maior parte ou é parvo ou não tem arte . E infelizmente temos muitos “artistas”.

  4. Excelente início de um filme de ficção científica…triste sina a nossa, pois lamentavelmente este “filme” é real. Haja punição para reinar o bom senso.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s