Internacionalização, Mobilidade e Cidadania

A emigração nos moldes em que se tem sido promovida não tem sido só o avanço da livre circulação – que seria positiva se existisse – tem sido para milhões de pessoas no mundo, em Portugal 300 mil nos recentes anos, um exílio, uma partida forçada. E descapitalizadora dos serviços e bens que podemos produzir porque todo o investimento colectivo na formação de força de trabalho é exportado, fazendo menos pressão sobre os salários aqui. Estarei hoje na Escola Superior de Enfermagem, onde abordarei estes e outros temas numa palestra sobre Mobilidade.

Imagem11

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s